Gilberto Matter Paisagismo  
Paisagismo  
Dicas  
Jardinagem  
Artigos  
Envie seu Artigo  
Plantas  
Idéias & Curiosidades  
Ecologia e Meio Ambiente  
Sem comentários  
Produtos  
Produtos exclusivos  
Novidades  
Classificados  
Promoções  
Cursos no Brasil  
Agenda de Cursos  
Agenda de Eventos  
Cadastro de Empresas  
Cadastro de Profissionais  
Teste: Ter um jardim?  
Newsletter  
Download  
Perguntas & Respostas  
Links  
Biblioteca Verde  
Cartões Virtuais  
Fotos do seu Jardim  
Galeria de Imagens  
Fóruns  
Cursos de Paisagismo e Jardinagem  
O Projeto  
Estrutura  
Parceria  
Cursos e Palestras  
Notícias do Centro  
Institucional  
Apresentação  
Colaboradores  
Parceiros do Portal  
Termos de Uso  
Política de Privacidade  
Opine  
Cadastre-se  
Anuncie no Portal  
Fale conosco  
 
Um jardim sem ervas daninhas é igual a uma pessoa sem defeito.
 
 
 
 
 
Cuidar do jardim: melhor um cortador elétrico ou motorizado?

Essa dúvida é uma constante para quem se preocupa com a manutenção adequada do jardim e sente prazer em cuidar da área verde. Cortar a grama faz parte dos cuidados e, ao contrário do que muitos pensam, trata-se de uma atividade simples e prazerosa.

Mas vamos resolver a questão. Qual tipo de cortador de grama é mais eficiente, ergonômico e confortável: elétrico ou motorizado? Qual deles é mais leve, potente e realiza o trabalho com perfeição? Ambos têm suas vantagens e o usuário final deve avaliá-las cuidadosamente para tomar a correta decisão, de acordo com sua necessidade.

Em geral, os cortadores de grama elétricos são mais simples e têm menor durabilidade, o que pode recair em maior custo com manutenção, além de a potência ser inferior. Como o funcionamento deles depende da tomada, são indicados para pequenas áreas, pois o fio limita o usuário de percorrer certas distâncias, mesmo com o uso de uma extensão, pois se torna incômodo e pouco prático.

   

Na avaliação é preciso estar atento também à questão da segurança. Por serem ligados à tomada por um fio que conduz a energia elétrica, o usuário fica suscetível a choques e, que em casos de chuvas e fios desencapados, podem causar graves ferimentos.

Em contrapartida, os cortadores motorizados são mais robustos, e buscam facilitar o manuseio oferecendo mais ergonomia e conforto ao operador. Como funcionam à base de gasolina pura, podem ser utilizados tanto em pequenas como em grandes áreas, proporcionando ao usuário maior liberdade no manuseio. Além disso, há alguns modelos que possuem um dispositivo que tritura a grama em pequenos fragmentos, que são depositados sobre o solo, ajudando no fortalecimento e crescimento da grama.

No caso dos equipamentos movidos à gasolina, o fator custo-benefício é o que mais chama a atenção, já que devemos considerar suas características técnicas, maior durabilidade, motores potentes, e que por isso, oferecem vida útil prolongada.

É notável hoje que os consumidores estão mais atentos não só ao preço oferecido no ato da compra, mas na qualidade do mesmo e nas eventuais despesas ingratas que podem ter em caso de quebra ou mau funcionamento, exigindo a troca por um novo equipamento, risco bem menor em produtos movidos a gasolina.

Além das questões de qualidade e resistência, ainda encontramos o fator de consumo para o funcionamento. Os cortadores elétricos consomem bastante energia, já que a eletricidade necessita ser transformada em energia mecânica, que deverá chegar ao produto de forma bem dimensionada, para que possa movê-lo mesmo em terrenos desnivelados ou em gramas densas e resistentes. Já os equipamentos motorizados movidos por motores a gasolina, consomem pouco combustível e saem da fábrica com motor a quatro tempos, que são mais silenciosos e emitem menos poluentes que os modelos com motores a dois tempos.

Feita a análise, é bom lembrar que, nesse período de muita chuva e calor, é certo que a grama vai necessitar de atenção especial na hora de deixar o jardim limpo e arrumado. Por isso, é preciso atentar-se para as características fundamentais de cada modelo de equipamento disponível no mercado para que seja feita a melhor escolha.



Fonte de pesquisa: Husqvarna





















 
 
 
 
Espantar insetos com plantas (novo)
É possível reduzir a presença de insetos com o cultivo de plantas.
Antiestresse: cultivo de minijardins é ótimo exercício físico e mental (novo)
Ter e cuidar de um jardim em casa pode fazer muito bem para saúde.
Cor da hortênsia depende da acidez da terra; saiba como plantar e obter belas flores
Veja dicas e aprenda como cultivar a sua hortênsia.
Seis plantas para cultivar em casa que servem como repelente natural
Em épocas de epidemia de doenças uma das maiores preocupações das pessoas é cuidar da casa para ficar longe do mosquito Aedes aegypti.
Família norte americana produz 3 toneladas de alimentos orgânicos no próprio quintal
Você já imaginou poder encontrar todos os alimentos necessários para a sua dieta em seu próprio quintal?
Livro disponível on-line incentiva crianças a aprenderem sobre cactos
A editora do Instituto Nacional do Semiárido lançou o livro infantil "Cactos do Semiárido do Brasil, ler e colorir".
O que saber sobre as orquídeas
Você não precisa ter uma área gigante para cultivar lindas orquídeas.
Plantas que não intoxicam seus animais
Conheça o que pode e o que não pode estar perto de seu bichinho de estimação.
Sistema de tratamento ecológico recupera rios poluídos e cria jardins flutuantes
Além de melhorar a qualidade da água e aumentar a biodiversidade aquática, o sistema revitalizou a paisagem.
Parece um jardim mas é uma horta
Mais do que uma simples horta, um jardim de hortaliças pode ser tão vistoso quanto um que tivesse flores e plantas ornamentais.
O que é fertilizante e por que as plantas precisam dele?
Para que uma planta cresça e floresça, ela necessita de diversos elementos químicos diferentes.
Flores e seus significados
O que elas representam.
Rosa, a mais famosa das flores
Tudo o que você precisa saber.
Saiba como manter um jardim florido e bem cuidado no outono e no inverno
A palavra de ordem no jardim é uma só: manutenção.
Um jardim especial para os beija-flores
É possível garantir a visita dos beija-flores no jardim, plantando espécies reconhecidamente atrativas.
Animais x Jardins
Com a adoção de algumas práticas simples, é possível garantir um jardim saudável e um animalzinho feliz.
Aproveite espaços ociosos e monte uma horta em casa
Ter uma horta em casa é o meio mais interessante de ter contato com a natureza.
Plantas úteis trazem harmonia para o jardim
Pode parecer incrível, mas a "sábia natureza" oferece soluções naturais para a maioria dos problemas que surgem nos jardins.
Poda em Bonsai
A poda em Bonsai desempenha um papel fundamental para a manutenção estética da planta.
Dicas de como começar um jardim em sua casa
É possível ter jardins mesmo em casas pequenas ou apartamentos.
Plantas ajudam a regular temperaturas em casas
Veja como plantas podem ser aliadas do isolamento térmico.
Conheça mitos e verdades sobre o cuidado com as plantas
Entre os ensinamentos das avós e os conselhos da vizinha, há diversos mitos sobre o cuidado com as plantas.
Insetos, plantas e jardins
Jardineiros profissionais e agricultores utilizam insetos benéficos como a sua primeira forma de controle de pragas.
Plantas dentro de casa
Condições para que a planta sobreviva dentro de casa.
Dicas de impermeabilização para jardins e floreiras
Alguns cuidados são necessários para que a umidade de jardins e floreiras não se tornem um problema.
Primavera
A estação das flores.
Receitas caseiras para cuidar do jardim
Combater pragas e doenças com receitas naturais, não prejudicam o meio ambiente.
O surgimento do Bonsai
Esta arte milenar difundida em todo o mundo, surgiu no século III a.C. na China.
Descubra plantas e ervas que podem fazer mal em excesso
Na hora de ingerir chás e saladas é preciso equilíbrio.
Cuide do jardim com receitas caseiras
Aprenda a combater pragas e doenças com fórmulas naturais.

 

© Copyright 2002 - Paisagismo Brasil
Webmaster
Email: gm@paisagismobrasil.com.br