Gilberto Matter Paisagismo  
Paisagismo  
Dicas  
Jardinagem  
Artigos  
Envie seu Artigo  
Plantas  
Idéias & Curiosidades  
Ecologia e Meio Ambiente  
Sem comentários  
Produtos  
Produtos exclusivos  
Novidades  
Classificados  
Promoções  
TerraCottem  
Cursos no Brasil  
Agenda de Cursos  
Agenda de Eventos  
Cadastro de Empresas  
Cadastro de Profissionais  
Teste: Ter um jardim?  
Newsletter  
Download  
Perguntas & Respostas  
Links  
Biblioteca Verde  
Cartões Virtuais  
Fotos do seu Jardim  
Galeria de Imagens  
Fóruns  
Cursos de Paisagismo e Jardinagem  
O Projeto  
Estrutura  
Parceria  
Cursos e Palestras  
Notícias do Centro  
Institucional  
Apresentação  
Colaboradores  
Parceiros do Portal  
Termos de Uso  
Política de Privacidade  
Opine  
Cadastre-se  
Anuncie no Portal  
Fale conosco  
 
Projeto de paisagismo não é orçamento sem compromisso
 
 
 
 
 
Flores coloridas alegram o jardim durante o ano todo

Entremeando espécies que florescem em períodos variados, você obtém lindos arranjos para alegrar o jardim: Escolha as que mais lhe agradam e use a imaginação para fazer uma composição harmoniosa.
 
Criar efeitos visuais, jogando com cores e volumes no jardim, é um recurso que pode valorizar ainda mais a arquitetura de sua casa. E isso não se aplica apenas, aos canteiros externos Você pode fazer lindas, composições em jardineiras e terraços, escolhendo vários tipos de flores cujo colorido possibilite contrastes harmonioso.
 
No Brasil, existem vária espécies que florescem praticamente durante o ano todo, reunindo plantas anuais, que completam seu cicio de vida e um ano, e plantas vivazes que florescem durante anos seguidos. Seu único problema vai ser escolher as espécies certas para cada situação.
 
Por exemplo, as plantas anuais, como o amor-perfeito, boca-de-leão, flox, lobélias, tagetes e begônias-sempre-floridas são indicadas para dar novo colorido aos canteiros do jardim e ficam ótimas em vasos e jardineiras, enquanto que as plantas vivazes, como os gerânios, azaléias, verbenas, crisântemos e margaridas são mais apropriados para canteiros de jardins, porque precisa de solo mais profundo, muito sol e desenvolvem touceiras que vão florescer por vários anos, alegrando seu jardim.
 
 
Escolha as plantas com cuidado
 
Tanto as plantas anuais como as vivazes possibilitam inúmeras composições de canteiros, porque nestas categorias você vai encontrar desde espécies com 20 ou 30 cm de altura, como as verbenas, amor-perfeito e gazânias, até plantas que atingem mais de um metro, como a sálvia, os hemerocallis e algumas variedades de crisântemos e margaridas. Todas são ótimas para proporcionar canteiros muito floridos, seja com uma única cor, se você optar por uma espécie de planta, ou multicoloridos, com uma mistura criteriosa de vários tipos, em cores e tamanhos diferentes.
 
Neste caso, você terá que planejar com antecedência o plantio para ter um resultado harmonioso. O ideal é decidir quantas espécies vai colocar em um canteiro e estipular a posição de cada uma. Se o canteiro for junto à parede, escolha uma planta maior para ficar junto a ela e outra menor para fazer a bordadura. Em um canteiro central, você poderá plantar no meio a planta alta e uma ou duas variedades menores, fazendo a bordadura ao redor do canteiro todo.
 
Em qualquer situação, a escolha das plantas e da quantidade de variedades vai depender do tamanho do canteiro. Lembre-se que muitas variedades em um canteiro pequeno podem resultar num aspecto desordenado. Já massas maiores de uma mesma variedade vão realçar a beleza das espécies escolhidas. Se você for escolher espécies com cores diferentes para uma bordadura pequena, dê preferência a flores com cores contrastantes, como amarelo e vermelho, amarelo e branco, para ter menos possibilidade de erros. Em espaços maiores você pode ficar mais livre, adotando qualquer combinação de cor, em linhas retas ou sinuosas, ao longo das calçadas do jardim ou ao redor das plantas maiores.

 
O preparo do solo é muito Importante
 
Tanto as plantas anuais como as vivazes necessitam de um solo fofo, com boa drenagem, rico em matéria orgânica e com pH ligeiramente ácido, em torno de 6,5.
 
Para que o solo fique em condições de receber as sementes ou as novas mudas, normalmente precisa começar a ser preparado pelo menos com um mês de antecedência.
 
Depois de corrigir o pH do solo, deixando no nível apropriado para o cultivo de plantas anuais e vivazes, é hora de fazer a adubação. Você poderá usar adubos orgânicos como esterco de curral bem curtido ou farinha de osso, ou então optar pelos adubos químicos do tipo NPK, sendo que para estas espécies de plantas o mais indicado é a fórmula NPK 6-12-6, pois estimula a floração.
 
Durante a fase de crescimento e floração, você deve aplicar doses de NPK 12-8-5, fórmula mais rica em nitrogênio e própria para intensificar a coloração das flores. A periodicidade e quantidade são recomendadas pelo fabricante e devem ser rigorosamente obedecidas, pois o excesso de fertilizante é prejudicial.

 
Como multiplicar as plantas vivazes
 
A categoria de plantas vivazes é formada por vários gêneros e por isso não há um único método de multiplicação para todas. Algumas são reproduzidas facilmente por sementes, semeadas diretamente nos canteiros definitivos, como as gazânias, sálvia, agerato, begônia-sempre-florida. Outras, como crisântemos e margaridas, são reproduzidas a partir de pedaços de caules,ou divisão de touceiras. A multiplicação da íris é feita através de touceiras com mais de quatro anos. Mas, em qualquer hipótese, plante sempre em solo com pH adequado, bem fofo, rico em matéria orgânica e com ótima drenagem.
 

As anuais só podem ser semeadas
 
As plantas anuais multiplicam-se por sementes e florescem em pouco tempo, deixando os espaços alegres e coloridos. Você só precisa providenciar sementeiras com terra apropriada para vaso, bem leve, além de semente de boa qualidade. Assim, quando as mudinhas estiverem crescidas, poderão ser escolhidas e plantadas nos canteiros ou vasos definitivos. Mas não se esqueça que as plantas anuais morrem logo após a floração e, por isso, enquanto um canteiro está florido, você já deve estar providenciando outra sementeira para substituir fogo às plantas anteriores. Para evitar esse trabalho constante, outra opção é comprar mudas já crescidas, cultivadas em viveiros. Assim, você terá sempre em sua casa as flores da época, praticamente sem nenhum trabalho.
 

Cuidados Indispensáveis
 
Para manter seus canteiros e vasos sempre bonitos e saudáveis, você precisa tomar alguns cuidados importantes. Pelo a menos, dia sim e dia não, examine as plantas para ver se não há focos de alguma praga ou doença. Se houver, retire logo a folha ou caule contaminado para evitar que o mal se alastre por todo o jardim. Também é necessário retirar folhas e flores murchas e manter o solo sempre limpo, livre de ervas daninhas que podem sufocar as plantinhas menores, pois dificultam a circulação do ar e facilitam o aparecimento de doenças. As regas são imprescindíveis, principalmente no período de floração As espécies mais frágeis precisam ser molhadas delicadamente, de preferência com uma mangueira perfurada, sempre que a superfície do solo estiver ressecada.



 
 
 
 
Conheça os benefícios de ter plantas em casa (novo)
Plantas e flores têm o poder de embelezar qualquer ambiente e agradar a todos.
Espantar insetos com plantas (novo)
É possível reduzir a presença de insetos com o cultivo de plantas.
Antiestresse: cultivo de minijardins é ótimo exercício físico e mental (novo)
Ter e cuidar de um jardim em casa pode fazer muito bem para saúde.
Cor da hortênsia depende da acidez da terra; saiba como plantar e obter belas flores
Veja dicas e aprenda como cultivar a sua hortênsia.
Seis plantas para cultivar em casa que servem como repelente natural
Em épocas de epidemia de doenças uma das maiores preocupações das pessoas é cuidar da casa para ficar longe do mosquito Aedes aegypti.
Família norte americana produz 3 toneladas de alimentos orgânicos no próprio quintal
Você já imaginou poder encontrar todos os alimentos necessários para a sua dieta em seu próprio quintal?
Livro disponível on-line incentiva crianças a aprenderem sobre cactos
A editora do Instituto Nacional do Semiárido lançou o livro infantil "Cactos do Semiárido do Brasil, ler e colorir".
O que saber sobre as orquídeas
Você não precisa ter uma área gigante para cultivar lindas orquídeas.
Plantas que não intoxicam seus animais
Conheça o que pode e o que não pode estar perto de seu bichinho de estimação.
Sistema de tratamento ecológico recupera rios poluídos e cria jardins flutuantes
Além de melhorar a qualidade da água e aumentar a biodiversidade aquática, o sistema revitalizou a paisagem.
Parece um jardim mas é uma horta
Mais do que uma simples horta, um jardim de hortaliças pode ser tão vistoso quanto um que tivesse flores e plantas ornamentais.
O que é fertilizante e por que as plantas precisam dele?
Para que uma planta cresça e floresça, ela necessita de diversos elementos químicos diferentes.
Flores e seus significados
O que elas representam.
Rosa, a mais famosa das flores
Tudo o que você precisa saber.
Saiba como manter um jardim florido e bem cuidado no outono e no inverno
A palavra de ordem no jardim é uma só: manutenção.
Um jardim especial para os beija-flores
É possível garantir a visita dos beija-flores no jardim, plantando espécies reconhecidamente atrativas.
Animais x Jardins
Com a adoção de algumas práticas simples, é possível garantir um jardim saudável e um animalzinho feliz.
Aproveite espaços ociosos e monte uma horta em casa
Ter uma horta em casa é o meio mais interessante de ter contato com a natureza.
Plantas úteis trazem harmonia para o jardim
Pode parecer incrível, mas a "sábia natureza" oferece soluções naturais para a maioria dos problemas que surgem nos jardins.
Poda em Bonsai
A poda em Bonsai desempenha um papel fundamental para a manutenção estética da planta.
Dicas de como começar um jardim em sua casa
É possível ter jardins mesmo em casas pequenas ou apartamentos.
Plantas ajudam a regular temperaturas em casas
Veja como plantas podem ser aliadas do isolamento térmico.
Conheça mitos e verdades sobre o cuidado com as plantas
Entre os ensinamentos das avós e os conselhos da vizinha, há diversos mitos sobre o cuidado com as plantas.
Insetos, plantas e jardins
Jardineiros profissionais e agricultores utilizam insetos benéficos como a sua primeira forma de controle de pragas.
Plantas dentro de casa
Condições para que a planta sobreviva dentro de casa.
Dicas de impermeabilização para jardins e floreiras
Alguns cuidados são necessários para que a umidade de jardins e floreiras não se tornem um problema.
Primavera
A estação das flores.
Receitas caseiras para cuidar do jardim
Combater pragas e doenças com receitas naturais, não prejudicam o meio ambiente.
O surgimento do Bonsai
Esta arte milenar difundida em todo o mundo, surgiu no século III a.C. na China.
Descubra plantas e ervas que podem fazer mal em excesso
Na hora de ingerir chás e saladas é preciso equilíbrio.

 

© Copyright 2002 - Paisagismo Brasil
Webmaster
Email: gm@paisagismobrasil.com.br