Gilberto Matter Paisagismo  
Paisagismo  
Dicas  
Jardinagem  
Artigos  
Envie seu Artigo  
Plantas  
Idéias & Curiosidades  
Ecologia e Meio Ambiente  
Sem comentários  
Produtos  
Produtos exclusivos  
Novidades  
Classificados  
Promoções  
Cursos no Brasil  
Agenda de Cursos  
Agenda de Eventos  
Cadastro de Empresas  
Cadastro de Profissionais  
Teste: Ter um jardim?  
Newsletter  
Download  
Perguntas & Respostas  
Links  
Biblioteca Verde  
Cartões Virtuais  
Fotos do seu Jardim  
Galeria de Imagens  
Fóruns  
Cursos de Paisagismo e Jardinagem  
O Projeto  
Estrutura  
Parceria  
Cursos e Palestras  
Notícias do Centro  
Institucional  
Apresentação  
Colaboradores  
Parceiros do Portal  
Termos de Uso  
Política de Privacidade  
Opine  
Cadastre-se  
Anuncie no Portal  
Fale conosco  
 
Os jardins devolvem às pessoas o verde que a cidade lhes roubou - Roberto Burle Marx
 
 
 
 
 
Os jardineiros de sábado

Os pátios das casas são ótimos locais para que as pessoas possam cultivar: hortas, pomares e um belo gramado. De modo geral, a idéia de se ter um gramado parte das mulheres. Os homens prefeririam uma calçada. Mesmo porque, quem varre as calçadas são as mulheres. Já no caso dos gramados, a tarefa é deles, os chamados jardineiros de sábado.

Enfim chega o fim de semana. O sono começa a se desvanecer, e o pretenso jardineiro parece ouvir o som de trovoadas. “Ótimo”, ele pensa. Não estava muito a fim de cortar a grama mesmo. Mas as trovoadas vão ficando mais fortes e próximas. Seus ruídos parecendo extremamente familiares. Como se chamassem pelo seu nome.



Algo puxa suas cobertas, sacudindo-o. Finalmente percebe que não eram trovões. Era a voz de sua esposa, “mandando” levantar-se para ir cuidar do pátio. “Você prometeu”, ela diz. Aliás, para mulher, tudo que o homem diz após as juras de casamento ganha ares de “promessa”. Pode ser um simples “arram”, mais concordando com o comentário do técnico de futebol na entrevista da televisão, do que com ela.

O homem no sábado torna-se o barbeiro da natureza. É um momento único, onde ele começa limpando as “obras de arte” do seu cachorro, espalhadas pelo quintal. Depois tem de cuidar para não entrar em atrito com os inúmeros formigueiros ali existentes, que apesar de lhe ajudarem consumindo algumas folhas, acabam fazendo um serviço ineficiente. Talvez se devorassem a grama com a mesma energia que utilizam para lhe morder, evitariam que o gramado precisasse ser cortado.

Falando em preocupações, ele também tem que se preocupar com as rosetas, urtigas e pedras que ali se escondem. Mas principalmente deve atentar para não cortar a grama muito rápido. Esmerando-se para que o serviço termine próximo ao horário do almoço. Podendo então chegar com uma expressão cansada no seio de seu lar, tomar um banho rápido, saborear o almoço, e por fim se jogar no sofá para um ronco merecido, sem culpa, como um guerreiro cujo dever foi cumprido.

Quando arruma o pátio, o homem deve sempre buscar a ajuda de aliados, ou melhor, de “aliadas”. Geladinhas, deliciosas, e servidas em latinhas de alumínio. Armazenadas em caixas de isopor junto à sombra de alguma árvore. Longe do alcance de seus vizinhos e cunhados. Elas ficarão ali, prontinhas para reanimá-lo durante toda manhã.

A cerveja é a eterna companheira do jardineiro de final de semana. Ela escuta suas lamentações, que tendem a aumentar à medida que ele vai ficando cada vez mais bêbado. Até o ponto em que as lamúrias transformam-se em decisões. Resolve que vai construir uma calçada no lugar do gramado e pronto.

A idéia vai tomando força em sua mente, mas é somente à noite, deitado na cama com sua adorada esposa que ele expõe a idéia. Ela houve pacientemente, e ao final das argumentações do marido, explica que, para por em prática a tal obra, eles terão de economizar um bom dinheiro. Ou seja, nada de cerveja nos próximos meses.

Com esta ultima afirmação da esposa, o homem desiste da idéia da calçada. Deita a cabeça no travesseiro e começa a pensar no plano “B”: Um gramado repleto de formigas amestradas, prontas para fazerem todo serviço, enquanto ele fica sentado na sombra, bebendo tranqüilamente suas cervejas.



Por: Antonio Brás Constante




 
 
 
 
 
Sem músculos e cérebro, planta carnívora ainda intriga cientistas (novo)
Depois de verem fotos da planta postadas por um naturalista amador no Facebook, pesquisadores confirmaram que aquela espécie de drosera era nova para a ciência.
Plantas conversam entre si e possuem até uma espécie de internet, revelam cientistas
Com o uso de gases e fungos, vegetais avisam que estão doentes ou a chegada de predadores.
A caiação das árvores
Como surgiu a incauta pintura e continua até os dias de hoje.
Ouro cresce em árvore?
Cientistas dizem que sim,
Músicas do Black Sabbath fazem bem às plantas, diz especialista
Ajudam a evitar doenças e faz com que elas floresçam melhor.
Vitória Régia a rainha dos lagos. Além da lenda ...
Diz a lenda, que a lua cheia, dona de encantos fabulosos, teria poderes de transformar lindas jovens em estrelas radiantes a brilhar no céu ao lado de nossas constelações boreais.
Mesa de musgo coleta energia da fotossíntese
Já pensou em ter uma mesa de musgo?
Incrível planta se faz de morta quando é tocada
A planta usa o seu sistema de defesa para enganar predadores.
Coletivo de designers aposta em plantas como acessórios
Eles desenvolveram uma linha de joias que transforma plantas em acessórios.
Árvores criam raízes em excesso e usam-nas como armas
Para que servem essas raízes extras?
Verde que mata
As estratégias de caça de algumas das plantas carnívoras mais estranhas do mundo são perturbadoras, muito além do que os botânicos poderiam imaginar.
Os fascinantes cactos e outras suculentas
As cactáceas são plantas suculentas com folhas completamente reduzidas ou transformadas em mamilos com espinhos.
O mistério das plantas e vasos furtados
Lá em Portugal também acontece. Incrível.
Plantas Companheiras
As plantas também têm preferências e se dão melhor com umas do que com outras.
Japoneses usam cortina feita de pepino e plantas para fugir do calor
O acidente na usina de Fukushima reduziu a produção de energia no país e os japoneses terão que enfrentar as temperaturas altas sem ar-condicionado.
Hóspedes educadas, formigas sabem de longe qual é a sua árvore
Cientistas espécie de formiga que consegue reconhecer a árvore onde vive por sua estrutura química.
Jabuticabeira que produz rápido
Chacareira de Jaguariúna aplica técnica em mudas originadas de sementes, que dão frutos a partir do quinto ano.
Cogumelos
Há milhares de anos, os chineses foram os primeiros a usar cogumelos como alimento.
Lustre ecológico permite cultivar plantas em ambientes fechados
Objeto de decoração ilumina o ambiente ao mesmo tempo que fornece luz para fotossíntese.
Vaso inteligente cuida das suas plantas por você
A tecnologia chegou ao jardim.
Aprenda quais são as plantas para atrair bons fluidos em 2011
As plantas podem ser aliadas para começar 2011 com o pé direito.
Círculo das Fadas
Crie um lugar mágico em seu jardim para atrair as fadas.
A estratégia inteligente das plantas
As plantas e animais aceitaram satisfazer os nossos desejos e paixões com o intuito de se perpetuarem.
Os diversos agentes da polinização
Todos os segredos de um novo organismo vegetal estão contidos em cada minúsculo grão-de-pólen.
Loja vende plantas cultivadas dentro de lâmpadas
A ideia é simples.
Jardim da Magia
Se você quiser cultivar um jardim de que as fadas vão gostar.
Vasos urbanos antiqueda encaixam no muro
Produto está disponível em várias cores e tem design patenteado.
Aromas e perfumas das plantas
Desde os primórdios da humanidade o aroma e o perfume das plantas fascinaram o ser humano.
Que árvore você é?
Veja a sua data de nascimento para saber
Mini horta tecnológica faz plantas crescerem cinco vezes mais rápido
O aparelho promete o processo de germinação em até 24 horas.

 

© Copyright 2002 - Paisagismo Brasil
Webmaster
Email: gm@paisagismobrasil.com.br