Gilberto Matter Paisagismo  
Paisagismo  
Dicas  
Jardinagem  
Artigos  
Envie seu Artigo  
Plantas  
Idéias & Curiosidades  
Ecologia e Meio Ambiente  
Sem comentários  
Produtos  
Produtos exclusivos  
Novidades  
Classificados  
Promoções  
Cursos no Brasil  
Agenda de Cursos  
Agenda de Eventos  
Cadastro de Empresas  
Cadastro de Profissionais  
Teste: Ter um jardim?  
Newsletter  
Download  
Perguntas & Respostas  
Links  
Biblioteca Verde  
Cartões Virtuais  
Fotos do seu Jardim  
Galeria de Imagens  
Fóruns  
Cursos de Paisagismo e Jardinagem  
O Projeto  
Estrutura  
Parceria  
Cursos e Palestras  
Notícias do Centro  
Institucional  
Apresentação  
Colaboradores  
Parceiros do Portal  
Termos de Uso  
Política de Privacidade  
Opine  
Cadastre-se  
Anuncie no Portal  
Fale conosco  
 
Projeto de paisagismo não é orçamento sem compromisso
 
 
 
 
 
Lar verde lar

A casa dos seus sonhos pode ser bonita, confortável e, de quebra, ainda respeitar a natureza   é só você querer

IMAGINE MORAR EM HARMONIA COM A NATUREZA, respeitando o meio ambiente e ajudando a preservar os recursos naturais. Papo aranha de eco chato? Nem um pouco. Há tempos a arquitetura descobriu que pode construir sem agredir tanto o planeta. Basta ter criatividade, consciência e, claro, vontade. "Uma construção ecologicamente correta está diretamente ligada à postura do ser humano no mundo em que vive. E o arquiteto pode desempenhar um enorme papel de educador", diz José Caputo, arquiteto e especialista no tema.

Por construção ecologicamente correta, entenda se aquela que reduz, de diversas maneiras, o impacto que pode causar em seu entorno. Desde o momento em que está concebendo o projeto de uma residência, o arquiteto e o futuro morador devem se preocupar com os tipos de produtos utilizados: no lugar de materiais não recicláveis e que prejudicam a natureza, devem optar por madeiras de reflorestamento, tintas com pigmento natural e até soluções inusitadas, como a utilização de plásticos moídos e moldados na forma de tijolos. Mas uma eco-casa envolve muito mais que isso   e a boa notícia é que o Brasil é um lugar cheio de potencial para que a idéia se popularize. "Com a riqueza e a diversidade do nosso país, não precisamos de altas tecnologias para trabalhar ”green", diz o contrutor Galeno Flávio Simões, "Basta ser bem informado e pesquisar saídas inteligentes."



A outra novidade é que os chamados materiais ecológicos estão com preços cada vez mais competitivos. Pisos de madeira de reflorestamento hoje podem custar mais barato que muitos tradicionais. "Produtos como forros de fibra de coco, tijolo de solo cimento (que não passa pelo processo de queimada e gasto de energia) e revestimentos de bambu são bastante viáveis economicamente", afirma Ivone Rocha, sócía, ao lado de Letícia Achcar e Carlos Tonezze, da PrimaMatéria, uma loja de eco-materiais.

Um dos primeiros passos ao se planejar uma casa é analisar o espaço do terreno, checando o que de melhor ele pode oferecer. Se há bastante barro e argila, é possível fazer, por exemplo, paredes barreadas. Se sobra fibra, por que não optar por forros, pisos e objetos desse material? "Mesmo em meio a prédios e construções cinzas, pitadas de vida e natureza podem compor o espaço e melhorar a vida dos habitantes", diz Galeno, que há 30 anos trabalha com arquitetura sustentável.

Levar em conta o ciclo de vida do material utilizado   sua extração, produção, venda, vida útil e demolição   é um dos pilares da arquitetura sustentável. "Ao reutilizar materiais já existentes na obra, como madeiras e pedras do próprio terreno, o construtor dá um novo uso a produtos que simplesmente iriam para o lixo. isso é ser ecologicamente correto", diz o arquiteto Marcio Kogan, que vem incluindo a sustentabilidade em seus trabalhos de forma cada vez mais constante.

Já ouviu falar de telhas feitas com pasta de dente ou caixinhas de leite? São de longa durabilidade, fazem pouco barulho e não esquentam tanto quanto as de amianto. Existem inúmeros materiais alternativos como esse, que, apesar de não serem naturais, podem ser usados para outros fins. Para mostrar como é possível construir de forma consciente, preocupando se não apenas com o conforto ou a estética, mas também com a natureza, a reportagem pediu que a equipe da PrimaMatéria projetasse uma eco-casa genuinamente brasuca. 0 resultado pode ser visto ao lado. simples, prática, inteligente e bonita.


Por: Tatiana Barbosa



Fonte de pesquisa: Revista Go Outside







 
 
 
 
A arte de cultivar virtudes
O garoto, de 4 anos de idade, aprendia a cultivar e a cuidar das plantas com o exemplo do seu avô.
Queda de árvores e soluções
Artigo enviado pelo autor José Roberto dos Santos, que tem 35 anos de experiência trabalhando como jardineiro.
Morar em um condomínio é viver no Jardim do Éden?
Talvez a idéia que temos do Paraíso seja bem próxima de um lugar protegido do caos exterior ....... Por Raul Cânovas
A crise e o estresse
Uma das formas mais interessantes de combater o estresse é a de se relacionar melhor com a natureza.
O dia em que a terra brotou
Hoje busco pessoas que acreditam em mudanças para uma grande mobilização social voltada para a educação ambiental.
Curiosidade infantil
Planta sente dor? A criança me fitou e disse: "É pro senhor mesmo que perguntei!"
Vc sabe o que é Biomimética?
É uma nova ciência que nos convida a aprender com a natureza.
Paisagismo e seus estilos
Para definir o jardim que queremos em nossa residência, além de termos o cuidado da escolha de um bom profissional, temos que ter em mente a variedade de opções, estilos e técnicas de plantio.
Qualidade de vida pela arborização
Um exemplo a ser seguido em uma cidade de Angola na África.
Coitadas das nossas árvores, coitadas de nossas calçadas
Caminhando pelas calçadas de nossas cidades, quase sempre danificadas por buracos e dos mais variados obstáculos, vemos as árvores.
Origem das flores ainda é mistério para a ciência
Darwin certa vez escreveu que a evolução delas continuava a ser "um abominável mistério".
Um presente inesperado
Ao ganhar de presente uma muda da minha flor preferida, a magnólia-rosa, nunca imaginaria a surpresa recebida...
Paisagismo: o florescer de uma profissão
Paisagismo: o florescer de uma profissão
Paisagismo do Futuro: Sustentabilidade verde
Jardins sustentáveis, ajudando as cidades a alcançarem a sustentabilidade. Qual a importância das áreas verdes nas cidades e conceitos de jardins sustentáveis.
A Sabedoria do Jardineiro
O jardineiro representa a melhor metáfora para designar o perfil de um novo profissional.
Abandono e incompreensão ameaçam legado de Burle Marx
No centenário de nascimento do célebre paisagista,especialistas cobram atenção a sua obra.
Para evitar uma barbárie na destruição da orla marítima no município da Penha - SC.
Apoio de paisagistas conscientes.
Substitua as espécies invasoras de seu jardim
A escolha adequada das plantas é essencial para que não haja nenhum dano ao meio ambiente.
Somos o que somos, mas amamos o que fazemos
Consegui me apaixonar por uma outra profissão: a de paisagista.
A lição do Jardineiro
Uma boa lição para nós! Como o jardineiro sábio, cuidamos das mudinhas das afeições com carinho e as deixamos florescer.
A criança e o jardineiro
Ensinamento.
O seu jardim determina a sua energia
Quando cultivamos uma planta, estamos na realidade cuidando de uma semente de energia.
A flor dos reis
Ao maior dos reis, leve um feixe de orquídeas.
Mais alimento e florestas no ar
Avidez das plantas por gás carbônico abre perspectivas de produzir mais alimento em menos espaço e de amenizar o aquecimento global.
Meu jardim, meu jardineiro. Minha estética e minhas verdades.
O brasileiro não percebe o verdadeiro sentido e importância da conservação da natureza.
Envie seu artigo
Queremos convidar você para ajudar-nos a enriquecer as nossas publicações.
Paisagismo na arquitetura
Uma obra arquitetônica permite diálogo com a área externa.
Folhas e flores iluminam lugares habitáveis
Um lugar sem plantas, sem crianças é um ambiente sem vida, sem alegria.
Sobre Jardins
Leia este artigo, escrito, imaginem, a alguns séculos atrás.
Um negócio bem adubado
Quem produz plantas ornamentais pode lucrar até 20% por ano.

 

© Copyright 2002 - Paisagismo Brasil
Webmaster
Email: gm@paisagismobrasil.com.br